13 Famosos brasileiros que já viram o sol nascer quadrado

20/07/2017 - 8:50 43862 Views
Mesmo depois de conquistar a fama e ganhar muito dinheiro, eles provam que não passam de seres humanos comuns, com defeitos e deslizes como qualquer outro mortal, e que assim como você, podem cometer erros irreversíveis e muito caros.



Depois de alçar grandes voos, alguns deles tiveram as asas cortadas por um tempo, e tiveram que passar uma temporada ou uma noite, enjaulados vendo o sol nascer quadrado.



Quando vivemos o papel de fã, estamos sempre torcendo por nosso artista favorito, e buscamos sempre encontrar boas notícias a respeito deles, pois fã que é fã, está sempre querendo o melhor para seu ídolo. Porém, as vezes nos deparamos com algumas notícias desagradáveis, alguma coisa atual ou do passado do artista, e acabamos surpreendidos pelas atitudes de quem tanto admiramos.



Você já passou por isso com seu ídolo? Bem talvez você encontre ele aqui nessa lista, continue lendo e descubra quem são os 13 famosos que já foram presos>>



13. Rafael Ilha



Rafael Ilha, já foi alvo de muita polêmica no passado, o ex integrante do grupo “Polegar”, teve sérios problemas com dependência química, o que acabou afundando sua carreira pouco tempo depois de ter deslanchado. O cantor já foi parar na delegacia por irregularidades com a placa do carro e acabou recebendo um mandado de prisão por não informar uma mudança de endereço, é mole?  Mas o que a maioria não sabe é que Rafael andou aprontando muito mais que isso, em 2008 o cantor foi preso por tentativa de sequestro, e em 2014, voltou para o xilindró (dessa vez junto com a esposa) acusado de porte ilegal de arma.



presos



 O artigo continua >>





12. Marcello Anthony



O Global Marcello Anthony foi flagrado pela polícia comprando maconha em Porto Alegre. O ator foi abordado por policiais na avenida Borges de Medeiros, durante uma ação com o Denarc que investigava uma rede de tráfico na capital gaúcha. Marcello tentava comprar 100 gr da droga, quantidade que já é considerada como tráfico no Brasil.



presos (1)



 O artigo continua >>

11. Yuri Fernandes



Yuri Fernandes é professor de Muay thai e participou da décima segunda temporada do BBB. O bad boy foi acusado de ter agredido Ângela Sousa, dançarina do Domingão do Faustão, e ex namorada do Brother. O casal planejava passar dias agradáveis juntinhos, curtindo as férias em Maceió, mas esse sonho virou pesadelo, e terminou com Yuri passando a noite na cadeia, depois de ter brigado e espancado a ex no quarto do hotel, isso rendeu uma ordem judicial que o obrigou a manter-se no mínimo 100 metros de distância de Ângela.



presos (2)



 O artigo continua >>







10. Caetano Veloso



Caetano Veloso que sempre compôs músicas provocativas, acabou mal com o governo durante a ditadura militar no Brasil. Em 1968, ainda no início de sua carreira, Caetano compôs a música “É Proibido Proibir”, e sofreu fortes críticas por isso, chegando a ser vaiado no Festival Internacional da Canção. Mas o cantor não parou por aí, e criou muitas outras canções com a mesma temática, assim como “Alegria, alegria”. Apesar de utilizar metáforas e criticar “sutilmente” o governo da época, o Baiano foi preso e depois exilado em Londres em 1969.



presos (3)



 O artigo continua >>







9. Gilberto Gil



Gil também fez parte do grupo de artistas que usavam suas canções para afrontar o governo opressor da época. Expressou sua indignação através de vários sucessos, e como outros cantores jovens na época, acabou em maus lençóis, e expulso do país. Assim como Caetano, Gil também passou um período  exilado em Londres, tudo por causa do AI-5.



presos (4)



 O artigo continua >>







8. César Cardadeiro



O ator César Cardadeiro começou sua carreira muito jovem, dos 11 aos 14 anos ele interpretou Pedrinho, no “Sítio do pica pau amarelo”, da Globo. É quase inacreditável mas César foi detido pela polícia em 2013 (aos 23 anos) por nada menos que, resistência à prisão, desobediência, lesão corporal e invasão domiciliar, além de ter dado um soco no rosto de um policial chegando na delegacia, o que obviamente gerou mais complicações. César chegou a ficar preso na carceragem da unidade. Segundo sua mãe, o ator só pulou o muro da casa para ver o teatro que tinha lá dentro, sem nenhuma intenção de roubar nada.



presos (5)



 O artigo continua >>







7. Rita Lee



Rita Lee foi presa em 1976 por porte de drogas quando policiais fizeram uma vistoria em sua casa. Na época a cantora estava grávida e alegou que a mercadoria era de amigos e fãs que se encontravam lá. Quase 40 anos depois a história se repetiu. Em 2012 a cantora foi indiciada por desacato contra PMs que revistavam a platéia durante o seu show de despedida dos palcos. Rita Lee chegou a parar o show para xingar e chamar a atenção dos policiais. 40 policiais processaram a cantora que teve que pagar indenizações de até 5 mil reais. Terminado o show Rita foi acompanhada à delegacia.



presos (6)



 O artigo continua >>







6. Charles Paraventi



O professor Afrânio de Malhação por 6 anos foi acusado em 2004 de ter agredido um estudante em uma pizzaria no Rio. Já em 2006 o ator foi parar 2 vezes na cadeia por porte de drogas e corrupção ativa. Porém, a coisa ficou preta para o lado do ator em 2011, quando foi parar atrás das grades acusado de ter batido na ex mulher, que ainda vivia com ele na época, mesmo depois do casal já estar separado. Infelizmente não foi a única vez que Charles foi acusado de agressão contra a esposa.



presos (7)



 O artigo continua >>







5. Fabrício Boliveira.



O ator Fabrício Boliveira, foi detido por porte de entorpecentes em 2010. O ator consagrado por seus personagens Diduzinho na novela “A Favorita” e “Marreco” em “Tropa de Elite 2“, estava com duas mulheres em uma Cherokee, no Rio, quando foi abordado pela polícia, que comprovou a presença da droga. Ele admitiu que a quantidade encontrada era dele, porém todos foram autuados por posse de droga. Quando foram liberados, Fabrício se manifestou nas redes sociais:  “— Diferente do que vários querem, estou firmão e trabalhando muito […]. Não acredite em tudo que lê e que se ouve por aí. Até papagaio fala! Deixa eles falar enquanto noiz tá festejando.”



presos (9)



 O artigo continua >>







4. Caco Ciocler



Em 2007 o ator global Caco Ciocler foi pego durante uma blitz com uma trouxinha de maconha no carro, encontrada em uma mochila dentro do veículo. Depois de detido, Caco alegou não ter conhecimento da mercadoria que supostamente seu acompanhante portava. O que foi um pouco estranho na época é que a identidade do tal amigo não foi revelada e não foram feitos exames na dupla para verificar se estavam limpos. O quê você acha disso tudo?



presos (10)



 O artigo continua >>







3. Fábio Assunção



Não é de hoje que o ator abusa de álcool e drogas, porém esse ano Fábio acabou se complicando um pouco ao arranjar confusão na cidade de Arcoverde. O ator que estava na cidade para divulgar seu trabalho, exagerou um “pouquinho” nas doses, e começou uma briga durante uma festa de São João na cidade. Resultado: Fábio acabou sendo preso por dano qualificado ao patrimônio público, resistência à prisão e desacato a autoridade.



presos (11)



 O artigo continua >>







2. Vinícius Romão



Vinícius foi preso em 2014 por ter assaltado uma mulher, quando na verdade, foi injustamente acusado. O ator e vendedor foi confundido com o ladrão que havia assaltado uma copeira poucos minutos antes. Na época ele tinha 26 anos e passou 16 dias na cadeia. No momento de sua libertação, foi recebido de forma muito emocionante por amigos e familiares que aguardavam sua saída. Vinícius abriu processo contra o Estado do Rio de Janeiro. 

presos (12)




O artigo continua >>







1. Chico Buarque



Em 1961, Chico Buarque e um amigo seu foram presos em flagrante, roubando um carro para dar umas voltas de madrugada. Com 17 anos o cantor ficou em liberdade condicional por 6 meses.  Em 1969 Chico Buarque se autoexilou na Itália. Ele que foi ameaçado pelo governo por suas grandes críticas à ditadura militar, acabou decidindo por retirar-se do país por um tempo. Chico, era socialista assumido, e nessa mesma época, criou o nome fictício: Julinho da Adelaide, para continuar compondo suas músicas provocativas, entre elas estavam: “Milagre Brasileiro” e “Acorda amor“.



presos (13)



Gostou do nosso artigo? Então compartilhe com seus amigos no Facebook!