As 15 gafes da Família Real inglesa

08/02/2018 - 4:42 7016 Views

Criticada, mas ainda assim muito amada e seguida, a Família Real está sempre pronta para cometer uma gafe ressonante. Particularmente em público, quase todos os componentes da realeza inglesa já causaram algum pequeno constrangimento para a coroa.

Será um vício familiar, será culpa dos genes, porquê parece que a Casa de Windsor, por alguma razão ou outra, sempre acaba nas primeiras páginas dos tablóides, desencadeando um grande alvoroço.

Afinal, é difícil viver como realeza e respeitar 100% ao rótulo, mesmo a eterna Elizabeth II deixou escapar uma expressão não muito diplomática, e assim terminou imediatamente nas garras da mídia.

Depois de anos das tentativas da rainha manter seu marido, filho e sobrinhos, debaixo de suas asas, será que ela também não é passível de erros? Acho que sim né? Graças as gafes do sangue azul, vemos que a Família Real é um pouco mais normal do que imaginávamos!

Vamos descobrir juntos as gafes da família inglesa >>

1) Charles

A história entre o príncipe Charles e sua amante, Camilla Parker Bowles, rendeu durante anos, muito conteúdo aos jornais ingleses e ao redor do mundo. Seguidos, interceptados e fotografados, foi difícil para os pombinhos apaixonados não pararem nas primeiras páginas. O que mais gerou constrangimento para o príncipe, aconteceu em 1993, em uma longa interceptação telefônica entre os dois amantes, o apaixonadíssimo futuro rei, disse a amante que desejava ser seu tampax, para viver dentro dela, ou seja, até que a menopausa os separassem.

 

2) Philip

Bom, o sangue não mente! Na verdade, o Príncipe Philip, agora aposentado da vida pública, é a figura mais politicamente incorreta da família real, sempre deu muito o que falar com suas gafes. Em 1980, durante uma viagem à China, Philip advertiu alguns estudantes britânicos que estudavam em Pequim, do “perigo” da permanência naquele país: “Se você ficar aqui mais tempo, vai voltar para casa com olhos puxados”. Em 2001, ele soltou outra pérola. Aconselhou um jovem de treze anos que tinha a ambição de ir para o espaço, a fazer uma dieta rigorosa: “Tão gordo, você nunca poderá ser um astronauta”. Fechou com chave de ouro em 2002 na Austrália, quando perguntou à um aborígene se ainda estavam atirando lanças por aí.

 

3) Elizabeth

Talvez contaminada por seu marido, até Elisabeth não conseguiu se privar de cometer algumas gafes. Em 2011, a rainha foi para o Turner Contemporary e foi homenageada pela artista Tracey Emin. O grande constrangimento se deu, porque Elizabeth perguntou com muita delicadeza se ela se exibia em outros lugares ou apenas lá. Pobre rainha, ninguém lhe disse quem era Tracey Emin. Em 2016, sem perceber que não muito longe havia uma câmera apontada para ela, foi registrada dizendo que os chineses eram muito mal-educados, referindo-se a um grupo de oficiais de Pequim em uma visita diplomática.

 

4) Harry

Harry, em 2002, admitiu que usou maconha e ingeriu álcool quando tinha apenas 16 anos, quando a lei proíbe beber nessa idade. Em 2004 Sarah Forsyth, professora de artes plásticas em Eton, onde o príncipe estudou, disse à News of the world que foi forçada por um superior a “ajudar” o príncipe a ser aprovado em um exame. Harry, alguns meses depois, participou de uma briga em frente a um clube e foi flagrado pelos paparazzis. Em 2005, o príncipe foi à uma festa a fantasia de um amigo, vestindo um uniforme nazista.

 

5) Kate

Até para a princesa Kate, é difícil respeitar sua posição. Na verdade, ela perdeu o desfile da Gloriosa Guarda irlandesa. Este evento sempre foi homenageado pela casa de Windsor, mas Kate preferiu cuidar de seus filhos, em vez de conservar a etiqueta. Outro passo mal dado, foi o custo exagerado da viagem de helicóptero entre Londres e Sandringham, custando 3000 libras dos contribuintes. Quando a mesma viagem foi feita por Elisabeth por uma quantia decisivamente inferior.

 

6) Sarah Ferguson

Em 1992, as fotos de Sarah Ferguson, ex-esposa de Andrew, segundo filho da rainha Elizabeth II e Philip, fazendo topless, foram parar nas capas de todos os jornais ao redor do mundo. A Duquesa de York, além de exibir suas graças, também foi fotografada enquanto o empresário Texano, John Bryan, chupava seus dedos do pé.

 

7) Anna

A princesa real Anna, apesar de ser madrinha de mais de 200 organizações de caridade,  não se mostrou muita piedosa ao demonstrar desprezo por um pedinte. Isso aconteceu no Natal de 2002, era um homem que a esperava fora de uma igreja, a princesa respondeu muito irritada: “Que tipo de pensamento é esse!”

8) Edward

Edward o filho mais novo da rainha, também enfrentou constrangimentos registrados nos tablóides. Sua esposa foi acusada de expressar julgamentos desagradáveis contra a rainha mãe Elizabeth II, e ao ex primeiro ministro britânico Tony Blair.

 

9) Eduardo VIII

Eduardo VIII e sua companheira Wallis Simpson, conheceram Hitler em 1937, portanto, foram acusados de simpatia pelo nazismo. Além disso, existiam suspeitas que Simpson, chegara a passar informações aos alemães em nome da relação comercial com o ministro das Relações Exteriores de Berlim von Ribbentrop.

 

Gostou desse artigo? Então compartilhe com seus amigos no Facebook!