O discurso da Miss Colorado sobre “ser infermeira” vai inspirar você

17/09/2015 - 12:57 340 Views

O tradicional concurso de Miss América é geralmente um concurso de beleza insípido, no qual algumas mulheres de biquíni tentam provar sua auto-estima para grandes audiências Ao longo dos anos, o show tem ficado mais progressista, mas você não pode ignorar o fato de que essencialmente é uma gigante competição de beleza.  As concorrentes são julgadas principalmente pela sua boa aparência, já que muito pouco deste show é dedicado aos verdadeiros talentos de muitas destas mulheresEnquanto a maioria das concorrentes cantam, dançar ou tocam um instrumento, Kelley Johnson, 23 anos – também conhecida como Miss Colorado – decidiu falar sobre a importância da enfermagem e das enfermeiras nas nossas vidas.

Ela trocou o salto alto pelo tênis, para contar ao mundo uma experiencia pessoal e preciosa que vivenciou trabalhando como enfermeira e, que marcou sua vida. Seu discurso esta a anos luz do que o público esta a acostumado a ver durante este tipo de apresentação, ela relatou como uma paciente, ajudou a mudar sua maneira de ver as coisas. A sua historia é comovente, cativante importante para todos nós!

Penso que a cada participante do Miss América, deveria ser dada a oportunidade de compartilhar coisas como estaestes concursos deveriam ser realizados com espetáculos não somente baseados nos aspectos físicos, mas também baseados nos atributos intelectuais

Muito legal a atitude da Miss Colorado, para VER O SEU EMOCIONANTE DISCURSO na íntegra.

miss-colodado-1-1200x627

Esta foi a historia de Kelley Johnson

“Todas as enfermeiras têm um paciente que se lembram por ter sido “enfermeiras“. A minha foi Joe. Joe estava nos primeiros estágios da doença de Alzheimer. Havia momentos em que ela se lembrava das coisas e outros momentos em que não, mas a parte mais difícil desta fase da doença de Joe eram os pesadelos. Ela acordava no meio da noite gritando, mas quando eu chegava para controlar o que tinha acontecido, pegava na sua mão e conseguia tranquilizá-la. Naquela momento em que acordou, ela queria saber se eu poderia mudar o seu tratamento e eu lhe respondia: “Joe, eu não posso, sou apenas uma enfermeira “e os meus medicamentos? Você pode mudá-los? ela perguntou de novo. “Joe, sou apenas uma enfermeira”, lhe repetia. Já que não podia fazer esse tipo de coisa por Joe,  nós criamos uma ligação afetuosa. Falávamos sobre voleibol, sobre seus netos e dávamos risadas porque eu era a única enfermeira que conseguia alcançar a prateleira mais alta. Riamos muito, Joe e eu. (…)

miss-colorado-3

(…) Mas uma noite tudo mudou. Encontrei ela chorando em seu quarto, peguei sua mão e lhe disse: “Sei que é muito difícil, mas esta doença não te define como pessoa. Você não é somente o Alzheimer. Você continua sendo Joe“. Ela me olhou fixamente e disse: “Enfermeira Kelley, eu digo o mesmo. Por muito que eu repita, você não é apenas uma enfermeira. Você é minha enfermeira e mudou a minha vida no momento em que se importou comigo“. Então eu entendi. O pacientes são pessoas que possuem família e amigos e eu não quero ser uma daquelas enfermeiras que fingem se preocupar, porque uma pessoa não é um número ou um diagnóstico quando entra em um hospital, primeiro de tudo é uma pessoa. Joe me lembrou porque ajudo a salvar vidas. Eu nunca mais vou ser apenas uma enfermeira“.

Confira, na íntegra, o vídeo.

A jovem do Colorado foi nomeada segunda colocada no concurso Miss América que aconteceu neste domingo e o sonho dela é apenas a poucos passos de se tornar realidade.

Parabens para Kelley Johnson, Miss Colorado, por nos esclarecer sobre uma das mais dedicadas e diligentes profissões que existem no mercado de trabalho.

Gostou do nosso artigo?! Então compartilhe com os seus amigos no Facebook!