Capa Greta Thunberg

Com certeza, Greta Thunberg é a adolescente mais comentada dos últimos tempos. Tudo começou em 20 de Agosto de 2018, quando a jovem começou a protestar em frente ao Parlamento sueco contra o aquecimento global. E assim fez por 3 semanas, sem ir à escola, ela iniciou o que mais para frente se tornaria um movimento entre milhões de estudantes no mundo todo: o Fridays For Future (Sextas-feiras pelo futuro).

Depois dessa data, tudo mudou para Greta.

Hoje, líder deste movimento mundial, ela se tornou um símbolo importantíssimo para as mais novas gerações. A ativista ambiental já teve conversas importantes com diversos líderes mundiais e, ainda, saiu na capa da revista Time como a “personalildade do ano” de 2019.

A íncrivel história de Greta conta com muita ambição e astúcia. Muito envolvida com as questões climáticas, hoje ela é a maior voz sobre as dificuldades socioambientais que o planeta vem enfrentando, carregando com ela muita admiração e críticas. Mas o que é que sabemos de verdade sobre a menina que mexeu com os maiores representantes do mundo com os seus discursos poderosos?

Confira as 10 curiosidades sobre a vida de Greta Thunberg:

10) Quem são os pais de Greta?

Greta Ernman Thunberg, nascida em 3 de Janeiro de 2003 na Suécia, pertence à uma família “conhecida” de Estocolmo. Seu pai é ator e a mãe é cantora de ópera. Os pais de Greta são ativistas e, por esse motivo, sempre envolveram a filha. Mas foi na escola, aos 8 anos, que ouviu falar pela primeira vez sobre as alterações climáticas e decidiu se engajar na luta pelo meio ambiente. Além disso, Greta é vegana e ativista pelo direito dos animais.

Greta-Thunberg
À esquerda: Svante Thunberg, pai de greta. Foto: reprodução/ Instagram/ @gretathunberg. À direita: Malena Ernman, mãe de Greta. Foto: Reprodução/ Wikipedia.

9) A síndrome de Asperger

Com 13 anos, Greta foi diagnosticada com a síndrome de Asperger, caracterizada por dificuldades na interação social, comportamento repetitivo, restrição de habilidades e interesses (havendo interesse obsessivo em um assunto em particular), e é comum a dificuldade com a comunicação social. Muitos usaram do seu diagnóstico para tentar diminuir a credibilidade da jovem. Mas você sabia que muitas personalidades que alcançaram sucesso e reconhecimento na carreira, dentre eles Mozart, Albert Einstein, Bill Gates e Steve Jobs, também foram diagnosticados com a mesma síndrome?

Greta-Thunberg
Aos 13 anos, Greta foi diagnosticada com a síndrome de Asperger. Foto: Reprodução/ Instagram/ @gretathunberg.

8) O cartaz escrito à mão

Foi no dia 20 de Agosto de 2018, durante um regresso escolar, que Greta ficou famora pelo cartaz escrito à mão que levou ao protesto. “Skolstrejk för klimatet” , que significa “protesto escolar pelo clima”. Ela sempre anda com o mesmo cartaz e aparece em todos os protestos com ele.

“Skolstrejk för klimatet” significa “protesto escolar pelo clima”. Foto: Reprodução/ Instagram/ @gretathunberg.

7) Fridays For Future

Greta contou que ouviu falar pela primeira vez sobre o aquecimento global na escola, aos 8 anos, e que, diferente de seus colegas, que se impressionaram com a situação mas logo depois deixaram a questão para trás, Greta entrou em depressão por alguns anos, na qual a preocupação com o futuro era um fator determinante. Com o apoio da família, Greta começou a faltar às aulas nas sextas-feiras e protestar sozinha em frente ao Parlamento sueco contra a crise climática. “No começo, era só eu e o meu cartaz. Depois que comecei a publicar no Twitter e Instagram, mais pessoas começaram a aparecer”, disse Greta.

Greta-Thunberg
Movimento “Fridays For Future”. Foto: Reprodução/ Instagram/ @gretathunberg.

6) Severn Cullis-Suzuki

Em 1992 aconteceu um caso bem parecido com o de Greta. Aos 9 anos de idade, a jovem chamada Severn Suzuki, fundou o Environmental Children’s Organization (ECO), uma organização criada por um grupo de crianças dedicadas a aprender e ensinar outros jovens sobre questões ambientais. Aos 12 anos, ela fez um discurso na Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente e o Desenvolvimento no Rio de Janeiro, também conhecida como ECO-92, que seria uma conferência de chefes de estado organizada pelas Nações Unidas. Ela foi muito aplaudida pelo seu discurso e até hoje ela é popularmente conhecida como “a menina que silenciou o mundo por 6 minutos”. Atualmente, ela é ativista ambiental canadense, palestrante e autora.

5) Do Reino Unido à América em um veleiro

Greta não viaja de avião para não contribuir com a emissão de gases poluentes. Portanto, quando viajou para Nova York para participar da Conferência do Clima da ONU, ela cruzou o Atlântico em um veleiro, ao lado do príncipe de Mônaco, Pierre Casiraghi, e o pai Svante Thunberg. Foi Pierre quem emprestou a embarcação, alimentada com energia gerada por painéis solares. Foram duas semanas em alto mar, em um barco sem combustível e sem banheiro.

Greta-Thunberg
Greta, seu cartaz e o veleiro à caminho dos Estados Unidos. Foto: Reprodução/ Instagram/ @gretathunberg.

4) Os livros

Mesmo sendo muito jovem, Greta Thunberg já publicou dois livros. Um deles, chamado “A nossa casa está em chamas”, que conta a história da ativista e como a luta dessa jovem sueca contra a crise climática alcançou repercussão mundial. Já o outro livro, chamado “Ninguém é pequeno demais para fazer a diferença“, possui todos os seus discursos mais importantes.

Greta-Thunberg
Apesar de ser muito nova, Greta já publicou dois livros, Foto: reprodução/ Instagram/ @gretathunberg.

3) A mensagem

Não roubem o nosso futuro”. Nessas poucas palavras se resume toda a ideia de Greta. De acordo com ela, o prazo para conseguirmos salvar o planeta está terminando e é hora do governo tomar atitudes importantes que colaborem para reduzir o processo global de mudanças climáticas. O seu objetivo é simples, mas é necessária uma mudança radical no sistema econômico atual: proteger as florestas, restaurar as grandes áreas do planeta que estão sendo danificadas e investir em energias renováveis.

Greta-Thunberg
Greta Thunberg e George Monbiot no vídeo #naturenow, disponível no canal do Youtube de Greta Thunberg. Fotos: fotogramas/ Youtube/ Natural Climate Solutions.

2) Personalidade do ano

Com apenas 16 anos, Greta foi eleita a “personalidade do ano” de 2019 pela revista Time. Ela é a figura mais jovem já eleita pela revista em 92 anos. A escolha ficou conhecida um dia após o presidente Jair Bolsonaro chamá-la de “pirralha”. Assim como declarou o editor-chefe da revista, Edward Felsenthal, no programa da CBS “Today Show”, Greta “se tornou a maior voz do grande problema que o planeta enfrenta atualmente, ela é o símbolo da passagem de uma geração no ambito político e cultural”. Na capa da edição de Dezembro da revista, junto à sua foto, está escrito “o poder da juventude”.

1) Greta e o Brasil

O ano de 2019, para o Brasil, ficou marcado pelos diversos desastres socioambientais, como o rompimento da barragem em Brumadinho, o aumento de invasões em terras indígenas, o incêndio na Amazônia e o vazamento de óleo nas praias do Nordeste. A situação complica mais enquanto o governo brasileiro caminha no sentido contrário ao das discussões mundiais sobre o meio ambiente. Com isso, Greta, ao lado de outros 15 jovens ativistas, apresentaram uma queixa na ONU contra o Brasil e outros 4 países, por não estarem fazendo o suficiente para impedir o aquecimento global.

Se você gostou deste artigo, compartilhe com os seus amigos no Facebook!