Maitê Proença e Adriana Calcanhoto namorando
Advertisement

A atriz Maitê Proença (64) e a cantora Adriana Calcanhoto (56) estão juntas há um ano. Porém, assumiram o namoro no final do ano passado.

Quanto à atriz, é a primeira vez que ela se relaciona com outra mulher. Por outro lado, Adriana foi casada durante cinco anos com Suzana de Moraes que morreu em 2015.

No entanto, em uma entrevista à revista JP, a atriz declarou que “queria que a Adriana fosse homem”. Além disso também disse estar ciente que receberia retaliações pela declaração.

Eu queria que ela (Adriana) fosse homem. Para essa atividade sempre gostei mais de homem. Mas ela é mulher, gosto dela e aceito isso”.

Sei que as feministas e os LGBTs não vão gostar do que acabei de dizer, mas, honestamente, é assim, entendeu? Posso experimentar algo diferente para estar com ela”, foram as palavras de Maitê.

Apesar de levarem uma relação bastante discreta, Maitê Proença já falou sobre a namorada recentemente à Revista Veja.
Na ocasião, a atriz contou que sofreu ataques preconceituosos quando a relação veio a público: “Acho que neste momento as pessoas estão mais comedidas com relação ao preconceito, elas têm medo das consequências. Ainda assim, recebi mensagens nas redes do tipo ‘você me decepcionou’ ou ‘isso é pecado’.

Advertisement

Ora, com homem não é pecado, mulher é?

Além disso, na mesma reportagem, Maitê também contou como é a vida sexual com Adriana: “Agora é bem mais legal, sim. Antigamente, eu estava lá investigando, experimentando um pouco aqui e ali. Precisei fazer muitas experiências para chegar a um lugar mais livre e relaxado. Depois de uma determinada fase da vida, você tem de ficar com pessoas com quem consiga conversar, para não ter de traduzir para o outro tudo o que percebe do mundo”.

Internautas desaprovam a declaração de Maitê Proença

A polêmica declaração da atriz (“eu queria que ela fosse homem”), não repercutiu bem na Web. Acusou-se Maitê de homofobia. Alguns torcem pelo fim do relacionamento:

Espero de coração que a Adriana caia fora dessa cilada rapidamente”, disparou uma internauta do Twitter.

O que mais me choca nesse rolê da Maitê com a Adriana é a Adriana podia ter a mulher que ela quisesse e tá nessa situ horrenda”, lamentou outra.

E ainda: “Eu tô indignada. Uma mulher como a Adriana, com prestígio, cultura, dinheiro, rainha do sofrimento lésbico passando por essa humilhação pública por parte da companheira. O que sobra pro resto de nós, né?