Paulo Andre e Maira Cardi
Advertisement

Paulo André Camilo (PA), vice-campeão do BBB 22, recusou o presente que Maíra Cardi (esposa do campeão Arthur Aguiar) prometeu dar a ele enquanto ainda estava no confinamento. PA comemorou e apoiou o então amigo, Arthur Aguiar, quando ele retornou do falso paredão. Em agradecimento, Maíra disse que daria um quarto novo a seu filho, o Peazinho. Porém, o velocista disse que está trabalhando muito e não precisa do presente: “Durante o BBB, minha equipe deixou em aberto para que eu pudesse responder quando estivesse aqui fora. Achei uma ação linda, realmente tem muitas crianças precisando disso. E por isso mesmo eu não poderia aceitar. Entrei no BBB para dar uma vida melhor à minha família, mas graças à Deus nunca faltou nada para eles e nem para o Peazinho”, relatou PA ao perfil Gossip do Dia, no Instagram.

Segundo o jornalista Matheus Baldi, do Fofocalizando (SBT), PA recebeu muitas ofertas de trabalho e contratos publicitários quando saiu da casa. Dessa maneira, não precisaria da ajuda de Maíra. Além disso, Paulo André disse que decidiu recusar o presente com o consentimento da mãe do menino, Thays Andreata.

Paulo André precisou se justificar após os ataques que sofreu desde que Baldi revelou a recusa do presente.

Advertisement

O termo “PA Ingrato”, usado pelos fãs de Maíra e Arthur, viralizou e se tornou o assunto mais comentado na última quarta-feira (11): “…Em resumo, eu não poderia aceitar algo sabendo que não pecisamos  e que tantas famílias precisam…Não foi conversado nada ainda com eles [família] sobre isso”, disse Paulo André.

Comentários de internautas sobre a atitude de Paulo André

PA = Pobre de Alma – Receber e aceitar presentes não tem relação alguma com “estar precisando”, mas o birrento mimado orgulhoso de centavos não está preparado pra essa conversa. PA INGRATO”, comentou um internauta.

Nesse sentido, outro declarou: “PA, cuidado com a arrogância, o mundo não gira da cambalhota! Cadê o respeito, a empatia e o amor ao próximo?

Paulo André não comentou o assunto além de sua justificativa. E, Maíra e Arthur, que andam afastados das redes sociais, também não se manifestaram a respeito.

Por outro lado, os fãs de PA saíram em sua defesa:  “Tem que ser muito cego p n ver que a Maíra foi completamente invasiva. A mulher vai para a Internet antes de conversar com a família da criança, dizer que vai dar um quarto (como se precisasse), aonde os pais já teriam planejado tudo possivelmente antes dele nascer e ele é ingrato?

Qualquer pessoa consciente entenderia o posicionamento do PA e aproveitaria a repercurssão para fazer uma super ação doando o quarto para um anônimo, um fã , alguém que torceu por Arthur e PA, por exemplo.”